Bem - Vindos !!!!

Remendo ideias, notícias, versículos , coisas que vejo, ouço , sinto e ao meu ver podem ser sobrepostas. Remendo o liso ao estampado, o nobre ao popular e te convido nesse espaço a mesmo sem entender da arte de costurar a remendar coisas. Sinta-se à vontade para tricotar, bordar, recortar o que gostar ou mesmo contemplar.
Seja bem-vindo a esse espaço, linhas e agulhas estão à disposição e a vida só não tem pano pra manga, mas para o figurino inteiro.

sábado, 23 de abril de 2011

Você é um bom samaritano?

Oi pessoal, a quanto tempo!!!! Eu estava meio sumida da página devido às atividades do dia- a - dia. Essa semana estava conversando com uma amiga sobre as maldades que ocorrem, e ela me disse que a causa era que algumas pessoas já nasciam más.
Após as discussões, já em casa fui ler a parábola do samaritano, talvez você já conheça. Mas, caso não conheça, leia o que está em Lucas 10: 30- 37:

"Certo homem descia de Jerusalém para Jericó e caiu na mão de assaltantes. Estes arrancaram-lhe tudo, espancaram-no, e foram-se embora, deixando-o quase morto.
Por acaso, um sacerdote estava descendo por aquele caminho. Quando viu o homem, seguiu adiante, pelo outro lado.
O mesmo aconteceu com um levita: chegou ao lugar, viu o homem e seguiu adiante, pelo outro lado.Mas um samaritano, que estava viajando, chegou perto dele, viu e sentiu compaixão. Aproximou-se dele e fez curativos, derramando óleo e vinho nas feridas. Depois colocou o homem em seu próprio animal e levou-o a uma pensão, onde cuidou dele.
No dia seguinte, pegou duas moedas de prata e entregou-as ao dono da pensão, recomendando: 'Toma conta dele! Quando eu voltar, vou pagar o que tiveres gasto a mais'".
E Jesus perguntou:
"Na tua opinião, qual dos três foi o próximo do homem que caiu nas mãos dos assaltantes?"
Ele respondeu: "Aquele que usou de misericórdia para com ele".
Então Jesus lhe disse: "Vai e faze a mesma coisa".
Pensando nessa parábola, de um lado temos um sacerdote e um levita: dois religiosos, zelosos e cumpridores da lei. Por outro lado, temos o samaritano, um povo considerado desprezível pelos judeus pelo fato de ser uma raça misturada com Babilônicos. E Jesus sendo judeu, ao contar essa parábola apresentou um novo modelo diferente. Quem seria julgado inicialmente como bom, no momento das suas ações mostrou-se o contrário.
Devemos pensar que o nosso caráter se molda com as nossas ações, e que alguém não está fadado a agir de uma forma por causa da sua nacionalidade. Quem somos se revela nas nossas relações com o próximo. E quem temos sido? Talvez religiosos zelosos, cheio de palavras e pobre em ações? Sabemos que a nossa salvação não está subordinada a esse fator, mas quero terminar deixando o conselho final de Jesus: "Vai e faze a mesma coisa"( que o samaritano fez, grifo meu).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário